My dog is lost, what do I do?


Perder o seu animal é provavelmente o maior pesadelo de quem tem um amigo peludo. É assustador imaginar onde pode estar, se estará assustado, ferido...

A pensar nisso, reunimos a seguinte lista de práticas que podem aumentar a probabilidade de um final feliz para um animal perdido:

- Ter uma medalha de identificação, sempre. Mesmo que o animal tenha chip, muitas pessoas não se dão ao trabalho de o levar ao veterinário (seja por receio, falta de tempo, questões logísticas ou mesmo preguiça). Com uma medalha com contacto, a probabilidade de haver uma ação por parte de quem o encontra é enorme.

- Se teu cão fugiu de sua casa, é provável que esteja por perto. Pode ter-se distraído com outro animal, ter ido à procura de comida ou ter-se desorientado.

- Pode ainda ter-se assustado com algum ruído alto, tentando manter-se seguro no jardim ou mesmo na garagem de algum vizinho. Nesse caso, presta atenção a sítios que possam servir de 'refúgio' para um animal assustado.

- À medida que o procuras, pára e escuta. Presta atenção a garagens ou outros locais onde ele possa ter ficado preso ou fechado. Se vives numa zona rural, procura por tocas de animais e pede aos vizinhos para verificar nos seus armazéns, garagens, adegas...

- Se o teu cão se perdeu na vizinhança, dedica pelo menos meia hora a chamar por ele, mas tenta parecer bem disposto, para não o assustar mais.

- Faz barulhos familiares como, por exemplo, abanar a caixa dos biscoitos.

- Se o teu cão se perdeu durante um passeio, chama por ele e procura nos locais onde costumam ir, caso seja uma zona familiar. Alguns cães são muito bons a encontrar o caminho de volta ao carro ou para casa, pelo que convém ter alguém à espera dele nesses sítios, caso ele regresse.

- Outras pessoas a passear os seus cães costumam ser uma boa ajuda, porque também gostam animais e o cão deles pode até ser amigo do seu. Dá-lhes o teu número de telefone o caso encontrem o teu cão.

 

Se já procuraste o teu cão por toda a parte e ele continua desaparecido, deves:

- Publicar no site encontra-me.org e nas redes sociais - publicação em páginas de associações, em grupos da região, mensagens a amigos... Quanto mais pessoas souberem que está perdido, maior a probabilidade de tomarem uma ação caso o vejam.

- Contactar o canil e as associações de ajuda animal da região, para saber se o encontraram e estarem atentos caso alguém o entregue lá.

- Ligar a todos os veterinários e centros de recolha da região, para o caso de terem sido informados sobre algum cão perdido.

- Avisar os vizinhos, para estarem atentos caso ele apareça por perto.

- Colocar folhetos com informação relevante sobre o teu cão, incluindo o nome, raça, descrição física e, idealmente, uma fotografia recente, contacto telefónico e e-mail nas áreas circundantes ao local onde se perdeu, perto de casa e nas áreas onde foi visto pela última vez. 

Percorrer, a pé ou de bicicleta, toda a zona onde o cão foi visto pela última vez, preferencialmente com a ajuda de amigos ou voluntários que se disponham a ajudar.

- Pedir ajuda é o melhor a fazer. Há sempre muita gente disposta a ajudar, principalmente quem tenha animais também. A maioria das pessoas que gostam de cães estarão disponíveis para ajudar a encontrar o teu cão e até desconhecidos divulgam animais perdidos com frequência. Espalha ao máximo a notícia para que seja mais fácil encontrar o teu amigo peludo.

- Se o teu cão é de raça, não é impossível que tenha sido roubado. Se suspeitas de roubo/rapto, contacta imediatamente a Polícia, pois é crime.

Porque prevenir é sempre o melhor remédio, se queres reduzir as probabilidades de passar por tudo isto, podes sempre:

- Ter atenção a portas e portões, caso o teu cão esteja em casa.

- Usar sempre trela durante os passeios. Um pássaro pode ser suficiente para fazer o teu cão correr a lata velocidade para longe e perder-se.

- Nunca abdicar da coleirachapa de identificação, mesmo quando o teu cão está em casa. Nunca se sabe quando nem como ele pode sair. O chip é obrigatório, mas não é suficiente. Podes comprar medalhas de identificação para cão e gato, de aço inox ou de madeira, de várias formas e feitios, com gravação a laser de máxima qualidade (que dura para sempre), desde 5,40€. A segurança dos nossos amigos peludos não tem preço.

Esperamos que estas dicas nunca sejam precisas, mas se forem, que possam ajudar alguém.

Se este texto foi útil para ti, partilha com os teus amigos, pois pode ser-lhe útil também.

Se tiveres alguma dica para acrescentar a esta lista, não hesites em escrever nos comentários.

Obrigado,
Golden e Ruby, dois cães que nunca se perderam, mas cujos donos ficariam desesperados se um dia acontecesse.

cão perdido

Leave a comment


Please note, comments must be approved before they are published